Siga-me!

Não perca tempo

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 16:35

Muitos projetos e sonhos começam a andar em minha vida. Finalmente voltei a escrever aqui e tenho tanto conteúdo que nem sei ao certo o que e como colocar.

Estou lendo um livro fantástico chamado A arte da felicidade, e encontrei um texto muito bom do mesmo autor...


"Não perca tempo. O tempo é precioso, cada segundo conta, cade segundo é úynico, insubstituível, cheio de fantásticas possibilidades. Deixamos sempre para mais tarde o que poderíamos fazer hoje mesmo. E deixamos passar um bom número de possibilidades de agir, de sermos felizes, de tornar felizes os outros. Reflita sobre o sentido de sua vida, pois a esperança no futuro é ilusória, a realidade é o presente." (Dalai Lama)

Achei que valia a pena, achei que começar, mesmo que errado, é melhor que nunca tirar algo da gaveta.

[ ]'s
Bruno Peres

Ao som de: Europe - The Final Countdown

Sobre o Autor:
Bruno Peres Bruno Peres (brunoperes03@yahoo.com.br) Formação em Comunicação Digital com Especialização em Web Presence pela Universidade de Toronto é um RPGista por natureza e solteiro por incompetência, tenta ser escritor nas horas vagas e adora contar causos de sua vida entre amigos. É editor e escreve para o site da A4A e mantém o Twitter @bperes


Gostou do conteúdo? Porque não receber as novidades por e-mail?

Comments (4)

não pude deixar de comentar pq esse texto do Dalai Lama é realmente mto bom! vou copiar, tá?! rs

"Reflita sobre o sentido da sua vida, pois a esperança no futuro é ilusória, a realidade é o presente!"

que bom que seus sonhos tão caminhando rumo à realização... e lembre-se: o progresso às vezes pode ser lento... mas jamais deixe tudo isso aqui ficar parado!!!

abandonou?

"é sonho, é vontade, é cansaço, é amor
é desejo, tristeza, é saudade, calor
é peito, é corpo, é distancia da cor
tentativa de um sonho, que um dia se foi
é a chuva que cai, é o sol que não vem
é o quente que está, é tão claro desdem
é distancia que é perto, é de longe tambor
é tão claro o que penso, é confusa essa dor
é claro, é escuro, é de dia é de noite
é de carro, é de trem, é desejo é desdem
é o passado que chama, o futuro que teme
o presente que engana, o que existe é do leite
é a onda que quero, o campo que eu sonho
é a cidade que chama, noite longa que sente
é a cama ardente, é o amor é o tesão
é a minha tristeza, é minha solidão
tanta gente, tão pouco, uma gente, é nada
é sozinha nos planos, é sozinha na fala
é um tutu sem resposta, é amizade em seu fim
é descoberta daquilo que eu nunca quis
é longe, é perto, é o que vai medir
tudo o que eu sinto e o que sente por mim
é sonho, trabalho, futuro, escravo, estudo, é cravo
são as aguas de março fechando o verão
é promessa de vida no teu coração..."


mesmo com TANTAS trocas de farpas... eu sempre te quis bem!

Thaís

"Tome toda a sua honra desperdiçada
Todas as pequenas frustrações passadas
Tome todos os seus problemas, assim chamados
Melhor colocá-los nas citações
Diga o que você precisa dizer...

Caminhando como um exército de um homem só
Lutando contra as sombras em sua mente
Vivendo o mesmo velho momento
Sabendo que você estaria em melhores condições se pudesse

Diga o que você precisa dizer...

Não tenha medo de continuar
Não tenha medo de desistir
Você sabe bem que no fim é melhor dizer demais
Do que nunca dizer o que você precisa dizer...

Mesmo que suas mãos estejam tremendo
E sua fé perdida
Mesmo se os olhos estiverem se fechando
Faça isso com o coração bem aberto

Diga o que você precisa dizer..."

Sua música caiu bem pra mim...
ainda quero ler seus contos!!!

Postar um comentário