Siga-me!

Resenha #01: The Power of Less

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 00:38

0

"By setting limitations, we must choose the essential. So in everything you do, leran set limitations" (Haiku First Principle)

Já faz algum tempo que li este livro e confesso que não me recordo como o conheci, o mais provável é que tenha sido em algum site perdido por aí.
Não o achei no Brasil e, mais uma vez, fui até a Livraria Cultura. Como sempre, em poucas semanas ele estava comigo.


Uma leitura até que agradável. Os primeiros capítulos realmente o fazem pensar em como fazemos tantas coisas ao mesmo tempo e nunca concluímos quase nenhuma delas. Perdemos o foco e na maioria dos casos acabamos desistido por não ver resultados expressivos.

Regras que a Pixar usa para criar suas histórias

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 11:26

0

Hoje me mandaram este link e achei bem bcana postar por aqui.
Eu já usei algumas perguntas pra ajudar em criações, e algo que ajuda bastante em momentos de branco é a Jornada do Herói Mitológico ou Monomito de Joseph Campbell.

Eu copie (descaradamente) o link aqui neste post. Você pode olhar a reportagem de Lucas Pereira ou ler ai embaixo. O que vale é a qualidade do material (Parabéns Lucas, por juntar e traduzir os tweetes de Emma Coats)

"Conheça 22 regras da Pixar para criar uma história cativante


Contar histórias é um desafio. Criar um bom argumento é fácil, difícil é fazer o desenvolvimento dele, e transformá-lo em algo interessante. Atualmente, quem melhor que a Pixar Animation Studios, sabe fazer isso? Na minha opinião (e se você tiver uma diferente, sinta-se a vontade para dizer nos comentários), niguém.

E esse post contém 22 regras para criar uma história como a Pixar cria. Elas foram tuitadas por Emma Coats, que faz parte da equipe de John Lasseter, e ajuda a criar algumas das histórias mais cativantes do cinema atual. Veja só:

1. Um personagem deve se tornar admirável pela sua tentativa, mais do que pelo seu sucesso.

2. É preciso manter em mente o que te cativa como se você fosse parte da público, e não pensar no que é divertido de fazer como escritor. As duas coisas podem ser bem diferentes.

3. A definição de um tema é importante, mas você só vai descobrir sobre o que realmente é a sua história, quando chegar ao fim dela. Então reescreva.

4. Era uma vez um/uma________. Todo dia,__________. Um dia, então__________. Por causa disso, __________. Por causa disso__________. Até que finalmente_______.

5. Simplifique. Tenha foco. Combine personagens. Não desvie do principal. Você sentirá como se estivesse perdendo material valioso, mas ficará mais livre.

6. No que os seus personagems são bons e o que os deixa confortáveis? Coloque-os no lado oposto a isso. Desafie-os. Como eles lidarão com essas situações?

7. Crie o final antes de saber como será o meio. Sério. Finais são difíceis, então adiante o seu trabalho.

8. Termine a sua história e deixe-a, mesmo que não seja perfeita. Siga em frente. Faça melhor da próxima vez.

9. Quando você tiver um “branco”, faça uma lista do que não irá acontecer no andamento da história. Muitas vezes, é assim que surge a idéia de como continuar ela.

10. Separe as histórias que você gosta. O que você vê de bom nelas é parte de você. É preciso identificar essas características, antes de usá-las.

11. Colocar no papel permite que você comece a consertar as falhas. Se deixar na sua cabeça até aparecer a idéia perfeita, você nunca compartilhará com ninguém.

12. Ignore a primeira coisa que vier a sua cabeça. E a segunda, terceira, quarta, quinta – Tire o óbvio do caminho. Surpreenda a si mesmo.

13. Dê opiniões aos seus personagens. Passivo/maleável pode parecer bom enquanto você escreve, mas é um veneno para o público.

14. Por que você precisa contar essa história? Qual é o combustível que queima dentro ddela, e do qual ela se alimenta? Esse é o coração da história.

15. Se você fosse o seu personagem, e estivesse na mesma situação, como você se sentiria? Honestidade dá credibilidade para situações inacreditáveis.

16. O que está em jogo? Nos dê uma razão para nos importarmos com o personagem. O que irá acontecer se ele fracassar? Coloque as probabilidades contra o sucesso.

17. Nenhum material é inútil. Se não está funcionando, largue de mão e siga em frente. Ele pode ser útil mais tarde.

18. Você deve saber a diferença entre dar o seu melhor e ser espalhafatoso. Histórias são para testar, não para refinar.

19. Coincidências que coloquem os personagens em problemas são ótimas; as que os colocam fora deles, são trapaça.

20. Exercício: Divida em pedaços um filme que você não gosta, e o reconstrua de forma que ele se torne um bom filme, na sua opinião.

21. Você deve se identificar com as situações e reações dos seus personagens, e não escrevê-las de qualquer forma. Você agiria da mesma maneira que eles?

22. O que é essencial na sua história? Qual a forma mais curta de contá-la? Se você souber a resposta, pode começar a construí-la a partir daí.

Você adicionaria alguma regra para contar uma história?"
#ficadica

Cheers

Desabafo de um descrente ao Credor...

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 11:11

1

Qual a cor do vazio?Quanta dor pode caber dentro de um espaço incompleto em você?
Perguntas descoloridas em meio a sentimentos desconexos, seria apenas mais uma sensação de perda ou o descontrole frente ao desafio a tanto esperado?
Ainda chove lá fora e meus pés frios se encolhem a procura de calor, a casa continua  quieta e nem mesmo minha voz encontra forças para preencher o espeço solitário coberto de fumaça e dor.
Ainda espero pelo sol, ainda rezo em pratos por algo que não acredito mais.

Pra onde vão todas as lágrimas de dor? Não que eu sinta dor, não que também sinta alegria, apenas não sentir nada motiva a duvida que alimenta algo que poucos compreendem de fato.
Siga sua vida, siga andando...

Está chegando o National Novel Writing Month

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 15:01

2

Falta pouco para o National Novel Writing Month (se não sabe o que é, clica ai e dá uma olhada!).

Serão 30 dias completamente focados em um romance que ainda não faço a menor idéia de como será, mas podem ter certeza que algo vem por ai.

Para participar é muito simples:
- Você cria um perfil (gratuíto)


Aspirações sobre um mesmo inesperado

Escrito por Bruno Peres | Postado como , | às 23:37

2


Uma tarde chuvosa trás consigo um pouco de música, frio e devaneios sobre um paralelo irreal.
Faço mais uma dose, dois cubos de gelo e um último cigarro.
O que leva alguém a criar riscos e se manter a parte do perigo?

O álcool chega com sua perspicácia e inteligência verborrágica, gotas molham a entrada do velho alpendre e algum respingo atinge meu corpo imóvel.
O que levaria alguém a buscar uma nova vida se a dura decisão emporcalha almas e desejos?

SPAM do dia #01: Ajudando a Princesa Isha

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 11:42

0

Sei que isso já foi feito em muitos sites por ai, mas ESSE eu precisava registrar aqui.

De: MISS PRINCESS ISHA
Assunto: I NEED YOUR HELP
Para:
Data: Terça-feira, 12 de Julho de 2011, 8:27

I NEED YOUR HELP
Dear Friend.
Good day and Compliments, I am writing this letter in confidence believing
that if it is the wish of God for you to help me and my family, God
Almighty will bless and reward you abundantly and you would never regret
this. I am contacting you with the following investment proposal for your kind
assistance.

My name is Princess ISHA WEDRAGO and I am a female student of University
Burkina Faso,Ouagadougou. I am 24 yrs old. I'd like any person who is caring,
loving and home oriented. I will love to have a long-term relationship

Não perca tempo

Escrito por Bruno Peres | Postado como | às 16:35

4

Muitos projetos e sonhos começam a andar em minha vida. Finalmente voltei a escrever aqui e tenho tanto conteúdo que nem sei ao certo o que e como colocar.

Estou lendo um livro fantástico chamado A arte da felicidade, e encontrei um texto muito bom do mesmo autor...